05 janeiro 2017

Evoluir, uma nova meta para 2017

Sei que muitos já definiram suas metas para 2017, mas não me lembro de ter visto as pessoas escreverem sobre evolução. Como assim?

Evoluir como pessoa, como ser humano, como filha, como amiga, como mãe, como companheira. Precisamos aprender que a evolução, relacionada à maturidade e não a ciência, deve ser algo sempre a ser pensado, impulsionado.

Por quê? Para quê?

Quando nos tornamos pessoas melhores, nos tornamos exemplos. E quando alguém presencia bons exemplos, tende a querer imita-los. É algo quase que instintivo.

Não quero servir de exemplo para ninguém!

Resposta errada, e imatura. Não precisa querer. É algo involuntário. Você mesma está buscando referências, modelos, exemplos para ser seguido o tempo todo. Seja em comportamento ou simplesmente na escolha da cor do batom.

As pessoas nos veem, e mesmo quando não queremos ser observados, elas nos observam. E nossos exemplos ficam gravados em suas mentes, mesmo que sem querer.

Um novo ano já se iniciou, e no meio dessas suas tantas metas, que você possa se lembrar de ser alguém que transmite algo bom, seja em gestos ou em palavras.


Busque sempre ser alguém melhor, por você, pelo próximo e por todos nós. 

Um grande abraço,
Amanda O.


Texto autoral
Me faça uma visita: canalcereja.blogspot.com.br
Instagram: @amandaolvers

2 comentários:

  1. Uau!
    É a primeira vez que visito o blog e adorei o texto. Realmente, quando se fala em metas para um novo ano (para aqueles que acreditam nessa renovação), sempre leio sobre coisas materiais ou objetivos concretos.
    Adorei esta perspectiva e vou compartilhar o texto na fanpage do meu blog.
    Pretendo voltar outras vezes. Parabéns pela escrita!

    Um beijo,
    Blog “A escrita e eu”

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que linda vocês, Jheniffer! Obg! Vou te fazer uma visita também. Beijooos!

      Excluir